Pronto Atendimento OrtopédicoDe segunda à sexta-feira (08h às 18h)(31) 3349-2600(31) 97186-7073

Escoliose do adulto: conheça os sintomas e tratamentos

fevereiro 25, 2021 por NOT Ortopedia0
Escoliose-conheca-os-sintomas-e-tratamentos-NOT-Ortopedia-blog-post.jpg

A coluna vertebral é uma estrutura extremamente complexa e organizada, portanto, algumas desordens nessa região podem causar grande desconforto físico e emocional. É o caso da escoliose do adulto.

A escoliose é uma condição que causa o desalinhamento da coluna, fazendo com que a estrutura se contorça em seu próprio eixo, inclinando-se para frente ou para trás e para os lados. Ela pode acometer adultos e tem maior incidência em mulheres.

Quer entender melhor? Siga a leitura e tire suas principais dúvidas!

O que é Escoliose?

Escoliose refere-se a um desvio tridimensional da coluna espinhal para um dos lados do tronco, determinada pela rotação das vértebras.

Diferente do que se pensa, a condição não é resultado de maus hábitos posturais. Na realidade, é exatamente ao contrário, ou seja, a curvatura da coluna pela escoliose que, em diversos casos, pode causar a má postura.

Isso acontece porque o desvio acaba provocando alterações por todo o corpo. Atualmente, a doença acomete cerca de 3% dos brasileiros.

A escoliose em adultos pode ser resultado de uma curvatura da infância que ficou sem tratamento e desde então tem progredido, ou pode surgir na fase adulta sem história de uma curvatura na infância, chamada de degenerativa.

Nestes casos, a escoliose surge devido a uma degeneração dos discos da coluna vertebral e de suas articulações, geralmente está relacionada com o avanço da idade.

Além disso, o seu surgimento pode ser secundário a patologias mais raras como neurofibromatose, síndrome de Marfan, tumores ósseos, deformidades pós-radiação, osteocondrodistrofia e osteogênese imperfeita.

Quais são os sinais físicos e sintomas?

 Os principais sinais físicos são:

  • Coluna encurvada para um dos lados
  • Ombros e quadris parecem assimétricos
  • Corpo inclinado para um lado
  • Um lado da caixa torácica ou uma perna com aparência menor que a outra
  • Aumento unilateral das costelas

Conforme envelhecemos, o nosso corpo passa por diversas mudanças. Isto é especialmente verdade na coluna vertebral. Os discos, ossos, ligamentos e músculos começam a se desgastar, o que pode resultar no início das dores na região lombar.

As alterações mais frequentes da coluna incluem a osteoporose, doença degenerativa do disco, fraturas por compressão vertebral e estenose de canal.

Todas essas condições podem causar o desvio da coluna para um dos lados, resultando não apenas no desconforto estético, mas como em outros problemas como: instabilidade da coluna, dificuldade para manter-se muito tempo sentado ou em pé, rigidez da coluna vertebral, aumento do aparecimento das costelas (giba costal) em um dos lados, entre outros.

Na grande maioria dos casos, os sintomas são bem discretos e incluem desconforto muscular, de intensidade leve ou alta conforme o caso, e sensação de fadiga nas costas, especialmente após ficar muito tempo na mesma posição.

Quais são as formas de tratamento?

As técnicas para o tratamento da escoliose podem variar conforme as necessidades do paciente, mas em geral são conservadoras, ou seja, os quadros são tratados com métodos não-cirúrgicos. Entre eles:

– Tratamento medicamentoso com o uso de anti-inflamatórios, relaxantes musculares e analgésicos para aliviar as dores agudas.

– Realização de fisioterapia com exercícios e técnicas específicas focados na analgesia e fortalecimento de músculos importantes para sustentação da coluna.

Órteses também podem ser usadas, mas somente para controle da dor, não para corrigir o desvio.

Em casos mais raros, a correção cirúrgica pode ser necessária sob as seguintes condições:

  • Quando o tratamento conservador não é eficaz;
  • Em casos em que a curvatura é progressiva ou é muito grande;
  • Quando há persistência e/ou intensificação da dor;
  • Dificuldade para andar;
  • Incapacidade de locomoção.

A escolha do método que será utilizado depende da condição específica do paciente. Nenhum caso é igual ao outro, o ideal é buscar ajuda médica especializada para tratar adequadamente a condição conforme o que você realmente necessita.

Precisa de ajuda? Conte com a equipe de ortopedia especializada em coluna do NOT.

Os nossos especialistas possuem grande experiência em diagnosticar e tratar quadros relacionados à patologias na coluna vertebral.

NOT Ortopedia: há mais de 40 anos transformando vidas!

Entre em contato conosco clicando aqui e agende uma consulta. Se preferir, acione atendimento pelo Whatsapp: (31) 97186 7073 ou baixe o nosso aplicativo “NOT Ortopedia” para marcar.



Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *


Há mais de 40 anos prestando serviços de Ortopedia e Traumatologia à população de Belo Horizonte.

Responsável técnico: Dr. Túlio Taft Bovaretto CRM/MG 25.680

Conheça nossa Política de Privacidade

Cadastre-se e receba nossa newsletter


Contatos e Endereço

Rua Aimorés, 2.125, Bairro Lourdes
Belo Horizonte/MG

Telefone: (31) 3349-2600

WhatsApp: (31) 97186-7073

As informações em nosso site tem caráter meramente informativo e não substituem as orientações do seu médico.

Todos os Direitos reservados • Desenvolvido pela